Buscar
  • Faca na Rede

Dicas para pescar Tucunaré Azul


Alex Silva Staff

O Staff Alex Silva conta um pouco de sua experiência e dá algumas dicas sobre como pescar os azulões:

O fascínio que os pescadores esportivos tem pelo tucunaré é o que o torna grandioso em nosso esporte. O Tucunaré Azul provavelmente é a espécie mais encontrada entre os tucunarés nas águas brasileiras. Em Tocantins, estado mais novo da Federação, encontram-se dois grandes rios: o Araguaia e o Tocantins, ambos possuindo afluentes e vários lagos formados por represamento, ambiente muito favorável para o encontro com o tucunaré. A região possui inúmeros locais onde é possível fazer grandes pescarias do famoso azulão, entre eles: o grande Lago de Palmas, com quase 180 km de extensão, abrangendo várias cidades que são banhadas por suas águas; o famoso Lago do Peixe, com suas inúmeras histórias de grandes exemplares capturados principalmente com iscas de superfície; os vários lagos do projeto de irrigação em Formoso do Araguaia, além dos inúmeros lagos de dentro da maior ilha fluvial do planeta, a Ilha do Bananal.

O tucunaré azul tocantinense é um peixe valente e briguento, fazendo com que o pescador reforce os equipamentos e coloque em prática técnicas de fisgada. " - Minha escolha de equipamentos para a pesca de tucunarés azuis tiveram algumas mudanças ao longo dos anos. Com a alta tecnologia aplicada nas varas, reduzindo o peso do carbono e dos componentes, passei a usar varas de libragem um pouco mais alta na faixa de 10-20 libras até 12-25 libras acima de 6' devido ao poder de fisgada dessas varas. Varas de 12, 14 e 17 libras também podem ser aplicadas, porém é necessário o uso com ações média/rápida para rápida. Quando se pesca em locais limpos como espraiados e drop offs se consegue perfeitamente usar varas com libragens mais baixas, mas em meio às estruturas de pauleiras, garantir uma boa fisgada e segurar o peixe é fundamental."

A vara longa acima de 6' além de garantir um poder de fisgada melhor, também dá um arremesso mais longo e preciso. "Uma dica que sempre dou sobre a aquisição de varas de pesca é ouvir os relatos de uso de amigos, se possível ir a uma loja que tenha o produto que pretende comprar e testar sua empunhadura ou o pega da vara. Uma vez que temos diversos tipos de pescadores, com mãos pequenas e grandes, é muito importante verificar se você está confortável, pois serão muitos arremessos durante o dia".

Se vai usar molinete ou carretilha não importa, o conforto de pescar é o mais importante. Vale lembrar que a carretilha te possibilita maior performance no arremesso e maior praticidade de manuseio. Outra dica é nunca colocar linha muito mais grossa do que a carretilha ou molinete suporta e que o carretel sempre esteja cheio.

Hoje existe uma gama muito grande de linhas de pesca, mas a multifilamento para a pesca do tucunaré se tornou imprescindível. Sua pouca elasticidade garante quase que instantaneamente a fisgada. O uso do líder  ou shockleader é muito pessoal - alguns gostam de usar e outros não -. O líder tem a finalidade de proteger a linha principal nas estruturas. Use sempre líder que seja de fluorocarbono ou nylon com resistência igual ou maior que a linha principal, nunca com resistência inferior. Outra dica é utilizar as linhas de multifilamento de 4 fios iscas grandes e as de 8 fios com iscas médias e pequenas, proporcionando um arremesso mais preciso.

Quanto as iscas, os pescadores tendem a usar somente iscas de superfície: com certeza é emocionante poder observar e pegar um grande troféu com estas iscas. Porém, temos que entender que o pescador é quem tem que se adaptar, e com isso colocar em prática outras técnicas e outros tipos de iscas para garantir o sucesso da pescaria. Aqui em Tocantins é possível fazer pescarias de tucunarés azuis utilizando várias técnicas durante o mesmo dia. As iscas de superfície e meia água são indicadas para quando o peixe estiver ativo. Em outros casos utilizamos iscas que atingem grandes profundidades como os jigs de penacho e shads com jig heads, gerando resultados surpreendentes.

" - Outra dica importante para pescadores que pretender vir para nossa região é saber que temos sol 365 dias por ano! Os pescadores são continuamente castigados pelos raios UV e por isso se proteger é essencial! Jerseys (camisetas de pesca),  blacknecks (máscaras de proteção facial) e bonés Faca na Rede são meus acompanhantes, tanto na água quanto no meu dia a dia. Sem esquecer da proteção para as mãos e olhos."


#camisetadepesca #camisadepesca #facanarede #preservação #camisetapersonalizada #camisadepescapersonalizada #camisetadepescapersonalizada #pesqueesolte


0 visualização